Jader recebe telefonema de FHC

O presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), informou há pouco, após presidir a primeira sessão plenária em sua gestão, que recebeu um telefonema do presidente Fernando Henrique Cardoso, cumprimentando-o por sua eleição. Em entrevista à saída do plenário, Barbalho disse acreditar na recomposição da base de sustentação do governo na Câmara e o Senado, com a partidipação do PFL. "As lideranças dos partidos que integram a base de sustentação se integrarão em favor do Brasil, e este episódio será considerado um episódio eleitoral dentro do Congresso e, portanto, já superado, pois o Brasil é muito maior que este disputa", afirmou. Ele disse, ainda, que o PFL é um grande partido e considerou "da maior convenência para o governo e para o País o PFL continuar a integrar a base do governo". Barbalho se recusou a comentar os novos ataques desferidos nesta quarta-feira contra ele por seu antecessor no cargo, Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) e disse estar muito feliz com o resultado da eleição, por ter obtido o apoio da maioria absoluta do Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.