Jader: PMDB ainda não trata de sucessão

O presidente do Senado e do PMDB, Jader Barbalho (PA), garantiu que o partido só vai decidir sobre seu candidato à presidência da República no próximo ano. Ele informou que não recebeu nenhum comunicado do governador de Minas Gerais, Itamar Franco, de que pretende voltar ao PMDB para disputar, com o senador Pedro Simon (RS), a indicação do partido para disputar a presidência. Quanto a Simon, Jader disse que há apenas uma pré-candidatura, observando que também existem outros nomes que podem pleitear a indicação. Entre eles, citou especificamente o ex-presidente José Sarney e o governador de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos. Jader observou, no entanto, que Itamar Franco "é um quadro significativo" e será bem-vindo no PMDB. "O partido decidirá esta questão da candidatura no ano que vem, em convenção nacional, nunca antes", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.