Jader ironiza notícia de empréstimo da Sudam à sua mulher

O presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), qualificou como "pirotecnia" o noticiário em torno do financiamento recebido da Sudam pela empresa Centeno & Moreira, de propriedade de sua mulher, Márcia Cristina Zaluth Centeno. Barbalho observou que a empresa de Márcia recebeu apenas uma notificação e tem prazo de 20 dias para responder a dúvidas da Sudam sobre o financiamento.Ele disse que o ranário de sua esposa "é moderno e é o terceiro do País", mas assegurou que o valor que a empresa recebeu da Sudam não foi de R$ 9,6 milhões, como divulgado pela autarquia. Jader prometeu entregar, neste terça-feira, cópias das declarações de rendimentos de sua mulher desde 1989, quando foi criado o ranário.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.