Itamar volta a criticar Jader

Ogovernador de Minas Gerais, Itamar Franco (PMDB), voltou a dizer nesta sexta-feira que o senador Jader Barbalho (PMDB-PA) deve afastar-se dapresidência do Senado, diante das novas denúncias publicadas na imprensa que envolvem o seu nome com o escândalo de desviode verbas da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam)."O que se espera é que ele transfira imediatamente a presidência do Senado e também se afaste da direção maior doPMDB para demonstrar a imparcialidade nas apurações que deverão ser realizadas", disse o governador mineiro, por meio de suaassessoria.Itamar, que está em Juiz de Fora (MG), afirmou ainda que, diante de fatos concretos, espera que o senador volte a"instar" a bancada do PMDB a assinar o pedido de instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Corrupção."Tristemente, observamos que a corrupção endêmica tomou conta da estrutura de poder do nosso país", completou o governador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.