Itamar diz que FHC sofre de "amnésia doentia"

O governador de Minas Gerais, Itamar Franco (PMDB), disse nesta sexta-feira que o presidente Fernando Henrique Cardoso está sofrendo de "amnésia doentia", em resposta à crítica indireta feita por FHC, que sugeriu em Rosana região Oeste de São Paulo, que Minas não estaria contribuindo com o racionamento de energia. "Eu ando muito preocupado com o presidente da República. Acho que ele está com amnésia doentia ou então se esquece de que Minas Gerais é Estado federado, que cumpre religiosamente com suas obrigações, mais do que ele faz com o Brasil e com esse processo de corrupção endêmica", disse o governador mineiro, por meio de sua assessoria. "Mas eu acho que ele está doente e não fica bem responder a alguém que está com amnésia doentia", ironizou Itamar, que, em ritmo de campanha, visitou nesta sexta o Sul de Minas, inaugurando obras de abastecimento nos municípios de Alfenas, Campestre, São Gonçalo do Sapucaí e Varginha.O governador permanece na região e neste sábado participa da inauguração da nova fábrica da Estrela em Três Pontas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.