Itamar critica ação de marqueteiros

O governador de Minas, Itamar Franco (PMDB), criticou nesta quarta-feira a utilização pelos presidenciáveis aos chamados "marqueteiros", incumbidos de cuidar de suas imagens durante as campanhas eleitorais."Os marqueteiros estão levando o País para um caminho não-democrático", disse. "É preciso voltar ao processo mais puro que era antigamente, em que o candidato expunha realmente o que ele é", acrescentou.Itamar disse que, para ele, não se deve "vestir o sujeito de terninho bonito, maquiá-lo, pintar os olhos, talvez até por lente azul ou verde" porque isso criaria uma ´imagem irreal ao eleitor". "São bonecos", disse, sem citar nomes de presidenciáveis aos quais estaria se referindo. "Representam um homem e uma mulher que está sendo preparada e que joga às vezes suas idéias e que não tem como apresentá-las, quando exercer o cargo". Questionado se a mulher que mencionou poderia ser a governador do Maranhão, Roseana Sarney (PFL), Itamar garantiu que não. "Eu respeito muito a governadora Roseana", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.