Itamar confirma presença na convenção do PMDB

O governador de Minas, Itamar Franco (PMDB), disse hoje, ao retornar do Rio de Janeiro, onde reuniu-se com o presidente nacional do PDT, Leonel Brizola, e o presidenciável Ciro Gomes (PPS), que deverá comparecer à convenção peemedebista do dia 9 de setembro, na qual o partido escolherá seu novo presidente nacional. Na semana passada, Itamar, irritado com a suposta interferência do presidente Fernando Henrique Cardoso nas definições internas do PMDB, havia afirmado que sequer iria à convenção.Seu programa, na data, seria assistir a uma partida de basquete em Ipatinga, no Vale do Aço. "Ele estará presente na convenção e irá votar", garantiram os assessores do governador. A mudança de planos de Itamar significa que ele ainda tem esperança, mesmo que reduzida, de que os não-governistas do PMDB, cujo candidato deve mesmo se o senador Maguito Vilela (PMDB-GO), vençam a convenção na disputa com os aliados do Palácio do Planalto, representados pelo deputado Michel Temer (PMDB).Se isso acontecer, Itamar desiste de mudar de legenda - o destino mais provável, caso contrário, é o PDT - e continua trabalhando no próprio PMDB sua candidatura à Presidência da República. Na volta a Belo Horizonte, o governador também reiterou que o encontro com Brizola e Ciro teve dois objetivos: discutir as influências do governo federal na vida interna do PMDB e afirmar a disposição dos três de unir as oposições ainda no primeiro turno das eleições de 2002. O mesmo assunto seria debatido hoje entre Itamar e o presidente nacional do PT, José Dirceu. O petista, no entanto, pediu que a reunião fosse remarcada para outro dia, ainda não definido, já que tinha compromissos agendados em Brasília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.