Itamar aceita adiamento das prévias para março

O governador de Minas Gerais, Itamar Franco, disse, ao chegar a Brasília, que concorda com a proposta de adiamento, para março, das prévias para escolha do candidato do PMDB à sucessão presidencial, inicialmente previstas para 20 de janeiro. Questionado sobre qual seria a melhor data, ele observou que precisa ser uma data condizente com o calendário eleitoral, descartando, porém, qualquer hipótese de transferência dessas prévias para abril, quando todos os candidatos que exercem cargos no Executivo devem desincompatibilizar-se para disputar as eleições. Quanto à inclusão de cerca de 11 mil vereadores no colégio eleitoral das prévias, ele disse que ainda não conversou com seus aliados sobre esse assunto. No entanto, partidários de Itamar estão animados com a concordância do presidente do PMDB, deputado Michel Temer (SP), de ampliar o número de eleitores nas prévias. Tanto que a proposta está sendo negociada pelo ex-governador Orestes Quércia, do grupo político de Itamar. Amanhã, às 16 horas, o governador se reúne com a cúpula do PMDB para definir a nova data das prévias e a inclusão dos vereadores no colégio eleitoral.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.