Itaba nega ligação com dono da Petroforte

A Indústria de Tabaco Brasileira (Itaba) divulgou nota hoje informando ?que não tem e nunca teve? em sua composição acionária a participação de Ari Natalino Silva, dono da Petroforte e que teve a prisão temporária pedida pela CPI do Roubo de Cargas, em Campinas. Natalino é investigado por vários crimes, entre eles falsificação ideológica, roubo e receptação de roubo de cargas de combustíveis, adulteração de combustíveis e sonegação de impostos. A CPI informou que uma equipe especial da Polícia Federal investiga há três meses uma empresa que também utiliza a marca Itaba, a Indústria de Tabaco Bahia, que seria controlada por Natalino e que estaria envolvida com falsificação de marcas famosas de cigarros e de selos de maços de cigarros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.