Integrantes da CPI discutem liminares com Jobim na terça-feira

O presidente e o relator da CPI dos Bingos, senadores Efraim Moraes (PFL-PB) e Garibaldi Alves (PMDB-RN), marcaram para terça-feira, às 9 horas, um encontro com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Nelson Jobim. No encontro, os senadores querem convencer o ministro a mudar de idéia e reverter decisão que tomou na noite de ontem, de suspender a quebra dos sigilos bancário, fiscal e telefônico do empresário Roberto Carlos Kurzweil, decidida pela CPI. Efraim e Alves pretendem levar documentos comprovando a ligação de Kurzweil com jogos de azar. O empresário é dono do veículo Ômega blindado que teria sido usado para transportar, de Campinas para a sede do PT em São Paulo, uma suposta doação de US$ 3 milhões do governo de Cuba para a campanha presidencial de 2002. Seria, também, proprietário de outro veículo da mesma marca que estaria, até hoje, sendo usado pelo ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares. Outra liminar de Jobim impediu a quebra dos sigilos do presidente do Sebrae, Paulo Okamotto, amigo do presidente Lula.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.