Integração prepara novo projeto de irrigação no Nordeste

Às voltas com problemas de gestão nas obras da Transposição do Rio São Francisco, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, disse hoje, em Salvador, que a Pasta prepara um novo projeto de irrigação para o semiárido nordestino. "Até o fim do mês, o programa deve estar pronto para ser anunciado", disse o ministro, que projetou o início do projeto para março. O custo estimado é de R$ 10 bilhões. "Pretendemos ampliar a área irrigada no Nordeste em 200 mil hectares, dos quais 90 mil hectares na Bahia".

TIAGO DÉCIMO, Agência Estado

06 de dezembro de 2011 | 18h31

O ministro participou, durante a manhã, do seminário "O Nordeste no Século XXI - Desenvolvimento com Igualdade Social", promovido pela revista Carta Capital dentro da série de debates Diálogos Capitais.

Já o governador de Pernambuco, um dos Estados que mais serão beneficiados com a transposição, Eduardo Campos (PSB), disse estar "tranquilo" com o andamento das obras. "Há um conjunto de lotes de obras nos quais estão sendo observadas, pela CGU e pelo TCU, questões de pedidos de reajustes, e outro conjunto que já foi para licitação, por decisão conjunta do ministro Fernando (Bezerra Coelho, da Integração Nacional) e da presidente Dilma (Rousseff), a partir de pareceres da própria CGU", justifica. "Essas medidas me tranquilizam. O que me foi falado é que, até fevereiro, (a obra) vai estar a pleno vapor".

 

Tudo o que sabemos sobre:
TRANSPOSIÇÃOIntegração Nacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.