Índios voltam a invadir Funai

Um grupo de 50 índios da etnia terena invadiu ontem a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Campo Grande. Armados com arcos, flechas, lanças e facões, eles expulsaram os 40 funcionários da fundação. É a segunda invasão da regional da Funai em Campo Grande em pouco mais de um mês. Em 15 de abril, servidores foram agredidos e feitos reféns pelos manifestantes. A Funai de Campo Grande está sem administrador desde a última invasão, quando o titular Jorge Antônio Neves acabou deixando o cargo. Os índios querem como delegado regional um terena da Aldeia Buriti.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.