Índios ocupam Funai em Paulo Afonso

Cerca de 80 índios das tribos Kaimbé e Kiriri ocupam, desde anteontem, a sede da Fundação Nacional do Índio (Funai), em Paulo Afonso, 435 quilômetros ao norte de Salvador. Os índios reivindicam a substituição do administrador do órgão na cidade, João Valadares, por entenderem que ele não está repassando os recursos federais destinados às aldeias. Valadares afirmou que as acusações não procedem. Ele avisou que entrará na Justiça com pedido de reintegração de posse na próxima segunda-feira. Os funcionários estão impedidos de entrar na sede da Funai em Paulo Afonso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.