Índios libertam jornalistas no MT

Cerca de 300 índios terenas, que exigiam a entrega de terras por parte do governo federal, libertaram hoje os quatro jornalistas que mantinham como reféns, no Sul do Mato Grosso, desde sexta-feira. Os índios, segundo fontes oficiais, desbloquearam a rodovia federal BR-163, que liga o sudoeste do País à região amazônica, na tarde de sábado.A rodovia foi liberada logo que a Funai e o Incra se comprometeram a atender as reivindicações dos terenas. Os dois órgãos aceitaram entregar cerca de 11.500 hectares às 300 famílias indígenas do local.Além de desbloquear a estrada, os índios libertaram os quatro jornalistas das redes de TV Globo e SBT. As equipes estavam no local, próximo à cidade de Rondonópolis, para gravar imagens do protesto. Os jornalistas foram presos quando se preparavam para uma possível entrevista coletiva com o cacique da tribo, Milton Rondon.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.