Índios impedem até passagem de ambulância pela BR- 113

A rodovia Cuiabá-Santarém que liga Mato Grosso ao Pará continua bloqueada por aproximadamente 200 índios entre os municípios de Santa Helena e Itaúba (MT). Nesta terça-feira, nem mesmo a passagem de ambulâncias foi permitida. O protesto contra a pavimentação da BR-163 teve início no domingo, desde então, eles liberam o tráfego por poucas horas - geralmente à noite e retornam ao final da manhã com a interdição das duas pistas. Líderes de nove nações indígenas aguardam para quarta-feira a presença de representantes do Departamento Nacional de Infra-Estrutura (DNIT), Ministério do Meio Ambiente e Funai para se reunirem nas cidades de Colíder ou Cuiabá, informou o líder caiapó e administrador da Funai em Colíder, cacique Megaron Txucarramãe. "Queremos uma posição clara em relação a essa obra, pois as cidades estão avançando sobre as aldeias", afirmou Megaron.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.