Índios ainda mantêm reféns no MT

Manifestantes aguardam presença da Funai para negociar saída da usina hidrelétrica

Solange Spigliatti, estadão.com.br

26 Julho 2010 | 09h56

SÃO PAULO - Cinco funcionários da usina hidrelétrica de Dardanelos, no Mato Grosso, três engenheiros e dois gerentes, permaneciam reféns de um grupo de índios na manhã desta segunda-feira, 26, segundo a Polícia Militar.

 

Veja também:

Índios trocam reféns por gerentes da usina invadida

 

O grupo, formado por cerca de 250 índios, aguarda a presença de representantes da Fundação Nacional do Índio (Funai) e da empresa, vindos de Cuiabá, para começar as negociações. Segundo a PM, os representantes devem chegar ao local à tarde. Os índios invadiram o canteiro de obras da usina neste domingo.

Mais conteúdo sobre:
indiosrefensMTDardanelosFunai

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.