Índia é achada morta perto do Paraguai

Desaparecida havia quatro dias, a índia caiová Juliana Balbino, de 39 anos, foi encontrada morta anteontem. O corpo estava no pasto de uma fazenda em Amambaí (MS), na divisa com o Paraguai. É o 20º assassinato de índios deste ano na região. No mesmo período, 15 crianças morreram de subnutrição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.