Incra deve iniciar negociação com MST

A assessoria de imprensa do Incra informou que o órgão enviará hoje a Uruana um técnico para dar explicações ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) sobre o cronograma de atendimento da pauta de negociações com o governo. A medida atende a uma solicitação do governo de Minas Gerais. O prefeito de Uruana, Sebastião Caetano, e um dos coordenadores nacionais do MST, Gilmar Mauro, anunciaram que o Incra deverá enviar ao município uma comissão do instituto e não apenas um técnico.Gilmar Mauro e Sebastião Caetano conversaram por telefone com a direção do Incra em Brasília. Caetano informou que, na conversa, solicitou que o Incra enviasse ao município pessoas que pudessem falar em nome do instituto e que tivessem autonomia para conduzir uma negociação com os sem-terra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.