Imóvel de fraudadora do INSS é leiloado por R$ 5,6 mi

Foi vendido ontem (28), por R$ 5,6 milhões, um imóvel no Leblon, bairro nobre da zona sul do Rio, que pertencia à advogada Terezinha de Jesus Freitas Carvalho, integrante da quadrilha da fraudadora do INSS Jorgina de Freitas. Em março de 1999, Terezinha foi condenada a 15 anos e 10 meses de prisão pelo Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ). Na ocasião, foi determinada a perda dos bens adquiridos com o dinheiro desviado.

AE, Agência Estado

29 de maio de 2013 | 10h56

Após cumprir um terço da pena, a advogada recebeu um indulto em 2009.

O pregão foi realizado pela leiloeira pública Sandra Regina Sevidanes. Inicialmente avaliado em R$ 4,28 milhões, o imóvel possui área interna de 214 metros quadrados. Está localizado na Rua Rita Landolf, e conta com salão em três ambientes, quatro quartos, varanda e três vagas de garagem. Os próximos leilões de imóveis pertencentes à advogada estão previstos para o dia 8 de julho. São apartamentos situados nos bairros de Vila Isabel e do Andaraí, na zona norte do Rio.

Tudo o que sabemos sobre:
leilãoimóvelfraudadoraINSS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.