Igreja do Bonfim recebe missa de aniversário de ACM

Familiares, amigos e antigos eleitores do senador Antonio Carlos Magalhães participaram de uma missa, na Igreja do Bonfim, em homenagem ao líder político baiano morto no dia 20 de julho e que teria completado 80 anos hoje. O interior da basílica estava cheio, mas nem de longe lembrava o público das missas de aniversário de Magalhães que começaram a ser celebradas em 1983, quando ele era governador. O evento teve as presenças políticas do senador Tasso Jereissati, presidente do PSDB, e do ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, que destacou a capacidade de Magalhães "escolher as pessoas certas para formar sua equipe". Marco Maciel (DEM), que também compareceu à missa, disse ser impossível escrever a história política brasileira sem ACM.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.