Ideli Salvatti quer adiar envio de reforma ao Congresso

A líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (SC) defendeu o adiamento do envio da proposta de reforma tributária ao Congresso Nacional. Segundo ela, a reforma tributária tem uma complexidade muito grande, que suscita muito debate. "Sem que nós tenhamos a clareza se a CPMF será ou não prorrogada, a reforma tributária obviamente terá que levar em consideração se será feita com ou sem a CPMF", admitiu a senadora, ao deixar o Ministério da Fazenda onde participou de uma reunião de negociação da CPMF com o ministro Guido Mantega.Na reunião do Conselho Político na semana passada, os líderes partidários defenderam o adiamento do envio da proposta e fizeram essa ponderação ao presidente, Luiz Inácio Lula da Silva.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.