Ideli diz que parte dos grevistas cometeu abusos

A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, afirmou que parte dos servidores públicos em greve cometeu abusos. Ela defendeu que o Congresso discuta uma forma de regulamentar a forma de protesto da categoria. "Eu acredito que no Congresso nós temos ambiente para fazer esse debate. Infelizmente, nós tivemos vários excessos e situações que são inadmissíveis para o bem-estar e a segurança da população e na prestação do serviço público", afirmou.

ANNE WARTH, Agência Estado

28 de agosto de 2012 | 17h50

Segundo a ministra, o governo vai se empenhar para que o assunto seja discutido e aprovado no Congresso. "Nós todos, o Brasil inteiro precisa, essa é uma necessidade. Tem projeto já tramitando e com certeza os parlamentares vão ter condições de debater a aprovar a matéria", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
greveservidoresIdeli

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.