Ibope: Em RO, Expedito lidera disputa com 35%

O candidato do PSDB ao governo de Rondônia, Expedito Júnior, lidera a disputa, com 35% das intenções de voto, de acordo com pesquisa Ibope divulgada na noite desta terça-feira, 16, pelo site de notícias G1. O governador Confúcio Moura (PMDB) vem em seguida com 28%; Jaqueline Cassol (PR) tem 12%; Pedro Ton (PT), 6%; e Pimenta de Rondônia (PSOL), 1%. Os votos em branco e nulos somam 8% e "não sabe", 10%. Na pesquisa anterior, divulgada em 9 de agosto, Confúcio Moura tinha 28%, Expedito Júnior, 27% e Jaqueline Cassol, 15%.

Estadão Conteúdo

16 de setembro de 2014 | 21h18

Segundo turno

Na simulação de segundo turno, o Ibope apurou que Expedito Júnior venceria Confúcio por 43% a 30%. Os votos em branco e nulos somam 15% e "não sabe", 12%. Frente a Jaqueline Cassol, Expedito venceria por 46% a 22%, com 19% de votos em branco ou nulos e 13% de ''não sabe''. Já entre Confúcio e Jaqueline, o resultado seria de 35% para o primeiro e 29% para a segunda (brancos, 20% e ''não sabe, 17%)

Rejeição

Na pesquisa com relação ao índice de rejeição dos candidatos, a maior taxa é de Confúcio, 33%. Os demais têm: Expedito Júnior, 16%; Jaqueline Cassol, 18%; Padre Ton, 22%; e Pimenta de Rondônia, 15%.

Avaliação de governo

De acordo com o levantamento do Ibope, 29% dos eleitores consideram a administração do atual governador "ótima ou boa". Outros 35% consideram "regular" e os que avaliam como "ruim ou péssima" somam 34%.

O Ibope ouviu 812 eleitores entre 13 a 15 de setembro. A margem de erro da pesquisa é de 3 pontos porcentuais para mais ou para menos e o nível de confiança, 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RO) sob o protocolo Nº RO-00032/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo Nº BR-00655/2014.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesIbopeRondôniagovernador

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.