Ibope: Aécio lidera disputa pelo Senado em MG com 70%

Itamar Franco vem em segundo, com 39%; Pimentel aparece em terceiro com 18%

Jair Stangler, do estadão.com.br, e Julia Duailibi, de O Estado de S.Paulo,

30 Julho 2010 | 23h29

O ex-governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), aparece na liderança absoluta para conseguir uma das vagas para o Senado. O tucano tem 70% das intenções de voto, segundo a pesquisa Ibope/Estado/TV Globo. Em segundo lugar está o ex-presidente Itamar Franco (PPS), com 39%. O ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel (PT), é o terceiro com 18%.

 

Os candidatos Alfredo (PRB), Betão (PCO), Efraim Moura (PSTU), José João da Silva (PSTU), Marilda Ribeiro (PSOL), Miguel Martini (PHS), Mineirinho (PSOL) e Rafael Pimenta (PCB) registram 1% cada um. Zito Vieira (PCdoB) não pontuou. 25% citaram apenas um candidato, 11% vão votar em branco ou anular e 29% estão indecisos.

 

Aécio tem o seu melhor desempenho entre os eleitores do candidato do PSDB ao governo do Estado, o governador Antonio Anastasia (89%). Mas 77% dos eleitores do candidato do PMDB, o ex-ministro daas Comunicações Hélio Costa, disseram que também vão votar no tucano para o Senado. Pimentel, cujo partido está coligado com o PMDB, tem melhor desempenho entre os eleitores de Anastasia: 26% dos votos contra 22% entre os que disseram votar no ex-ministro.

 

Itamar alcança 50% entre os eleitores de Hélio Costa e 45% entre os de Anastasia.

 

Na pesquisa espontânea para o Senado, Aécio lidera com 29% das intenções de voto. Em segundo lugar, está Itamar com 11%. Pimentel aparece em terceiro lugar com 6% das respostas. Marilda Ribeiro e Miguel Martini (PHS) têm ambos 1% das preferências. Os indecisos chegam a 61%, e os brancos/nulos são 6%.

 

Foram realizadas 1806 entrevistas no Estado entre os dias 26 e 29 de julho. A pesquisa está registrada no TRE/MG sob protocolo nº 54379/2010 e no TSE sob protocolo nº 20792/2010.O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.