IBGE mostra Terceiro Setor com 5% das empresas do País

Pesquisa sobre o Terceiro Setor divulgada na manhã desta sexta-feira pelo IBGE mostra que, em 2002, 5% das empresas registradas no Brasil eram fundações privadas e entidades sem fins lucrativos - um total de 276 mil. A maioria (62%) delas foi criada a partir da década de 1990, sendo que o crescimento acelerado ocorria desde os anos 70. De acordo com a pesquisa, de 1970 para 1980, houve crescimento de 88% no número de empresas dessa categoria; de 1980 para 1990, de 124% e, apenas de 1996 para 2002, o número mais que dobrou, passando de 105 mil para 276 mil empresas. Taxa de crescimento duas vezes maior do que a observada para o conjunto das empresas do País (66%).EmpregosEssas empresas são responsáveis por 1,5 milhão de postos de trabalho (três vezes o número de funcionários públicos federais). A remuneração mensal média é de 4,5 salários mínimos. De acordo com a pesquisa, "há um problema de delimitação de fronteiras" entre as entidades sem fins lucrativos e as lucrativas. Algumas empresas, que se beneficiam de isenções legais, agem de forma semelhante às empresas privadas. Segundo a pesquisa, essa situação ocorre especialmente em escolas, universidades e hospitais, que cobram pela prestação de serviços, geram lucro e aumentam o patrimônio dos seus mantenedores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.