Homem protesta contra americanos em Brasília

Enquanto o mundo condena os ataques terroristas contra os Estados Unidos, um profissional liberal do Distrito Federal - que quer manter seu nome no anonimato - caminha em sentido contrário. Usando frases diferentes a cada dia, o profissional faz um protesto isolado em Brasília contra os americanos, que foram vítimas do terror no início da semana. O manifestante fez hoje seu protesto em frente à Embaixada dos Estados Unidos em Brasília, usando um cartaz em seu carro com a frase "Americanos morram". Segundo ele, é um "absurdo haver comoção em favor dos Estados Unidos." O profissional liberal, que também evita revelar seu ramo de atividade, afirma que sente tristeza pelas pessoas que morreram no atentado de quarta-feira. "Eu sinto pelos inocentes que morreram, mas ninguém pensa nos inocentes que eles, os americanos, mataram", diz ele. No protesto em frente à Embaixada americana, o manifestante solitário de Brasília não usou de qualquer violência. Também não foi molestado pelos policiais que faziam a vigilância do prédio, que apenas anotaram a placa do carro e atuaram como nada tivesse acontecendo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.