Henri Sobel entrega carta para família de Alencar

O rabino Henri Sobel esteve no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, por volta das 18h, para entregar uma carta em solidariedade ao vice-presidente da República, José Alencar, que foi operado no sábado para a retirada da vesícula. "Só vim para entregar uma carta porque soube pelos jornais que as visitas não estão sendo encorajadas", disse Sobel.Nesta tarde, o deputado federal Luiz Antônio de Medeiros (PL-SP) também veio ao hospital para conversar com os familiares de Alencar, que havia tomado comprimidos para dormir. Segundo Medeiros, o vice-presidente está se recuperando bem da cirurgia e já caminha pelo quarto. Alencar foi examinado pelo cirurgião Raul Cutait e deverá deixar o hospital amanhã. De acordo com a Assessoria de Imprensa do Sírio Libanês, como o quadro de saúde de Alencar é de normalidade, não serão mais divulgados boletins médicos sobre seu estado de saúde. A pedido da família, o vice-presidente não está recebendo visitas. Nesta segunda-feira, o vice-governador de São Paulo Claudio Lembo (PFL) também foi ao hospital, mas não chegou a conversar com Alencar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.