Heloísa Helena teme "fraude maior"

A senadora Heloísa Helena (PT-AL) disse nesta terça-feira que ninguém mais do queela gostaria de ver a lista dos que votaram contra e a favor da cassação do ex-senador Luiz Estevão (PMDB-DF), em 28 dejunho do ano passado, quando houve a violação do painel de votação eletrônica do Senado, segundo laudo de técnicos daUnicamp há pouco divulgado pelo presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA).Porque, caso o nome dela esteja na listados que votaram contra a cassação - como teria ditoo senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), segundo divulgado pelarevista IstoÉ -, o Senado estará diante de uma fraude mais grave, que é a alteração do voto de um senador.Porto lamenta "tom de vitória" de JaderOutro senador a semanifestar sobre o episódio, no plenário do Senado, foi Arlindo Porto (PTB-MG). Ele lamentou o fato de o presidente doSenado, Jader Barbalho, ter tornado pública a informação sobre a violação do painel, anunciando-a em tom de vitória.Porto sequeixou, também, do fato de os senadores terem tomado conhecimento, pela imprensa, do resultado do laudo dos técnicos daUnicamp sobre a violação do painel."Lamento mais este eipisódio, que marca a imagem da casa e não gostaria queficássemos até o final do mandato apenas nesse episódio", disse ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.