Heloisa Helena causa saia-justa no PSOL

Ao defender a candidatura de Marina Silva à Presidência pelo PV, a presidente do PSOL, Heloísa Helena, causou constrangimento ao partido, que tem como candidato Plínio de Arruda Sampaio.

AE, Agência Estado

20 de junho de 2010 | 08h17

"Todos sabem, porque não sou hipócrita nem dissimulada, que o meu partido tem um candidato", disse. "Mas eu não vou negar a importância que Marina tem, não apenas pessoalmente, no meu coração, mas por ser a grande chance que o Brasil tem de promover um debate sério sobre o desenvolvimento econômico sustentável com responsabilidade social", ponderou.

No Twitter, Arruda Sampaio disse que, se tiver declarado apoio a outro candidato, Heloísa Helena não pode continuar à frente do PSOL. "A direção nacional se reunirá para discutir as declarações atribuídas a Heloísa Helena, que se especializa em criar constrangimentos ao PSOL", escreveu. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesPSOlHeloísa Helena

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.