Hélio Costa sofre princípio de enfarte

O ex-ministro das Comunicações e ex-senador Hélio Costa (PMDB-MG), de 72 anos, foi internado no Hospital Biocor, em Belo Horizonte, na madrugada de hoje (5), após sofrer um princípio de enfarte. No início da noite ele passava bem e, pelo Twitter, informou que aguardava liberação para ir para casa, o que não ocorreu até o início da noite.

MARCELO PORTELA, Agência Estado

05 de janeiro de 2012 | 19h12

Jornalista por formação, Hélio Costa começou a sentir-se mal em casa ainda na noite de quarta-feira e foi encaminhado para o Hospital. A assessoria do Biocor informou que esperava autorização da família para divulgar detalhes do quadro de saúde do ex-ministro, o que também não havia ocorrido até o início da noite.

No entanto, o próprio Hélio Costa, por meio do microblog, indicava estar melhor e informou que no hospital foi diagnosticado um quadro de angina, que é uma dor no peito normalmente causada por obstrução das artérias coronárias. "Ontem não me senti bem e vim ao Biocor, foi diagnosticado quadro de angina e recomendado cateterismo, o que foi feito com sucesso", postou o ex-ministro no Twitter.

O procedimento é usado para diagnóstico e tratamento cardíacos, mas o hospital ainda não informou qual foi o caso. Pouco antes de informar o que havia ocorrido, o próprio Costa já havia indicado que estava "bem" "Aguardo a liberação para voltar para casa. Agradeço a todos e ao pessoal do Biocor que me atendeu com eficiência e carinho", afirmou, também no microblog.

Hélio Costa, que iniciou a carreira como repórter, foi ministro das Comunicações entre 2005 e 2010, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em 2002, foi eleito senador pelo PMDB mineiro, após dois mandatos como deputado federal. Ele já disputou o governo de Minas duas vezes, sem sucesso.

Mais conteúdo sobre:
Hélio Costaenfarte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.