Heinze pede que Minc seja convocado a dar explicações

O deputado Luis Carlos Heinze (PP-RS) protocolou hoje na Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados um requerimento convocando o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, para dar esclarecimentos sobre suas declarações contra a classe produtora e contra parlamentares da bancada agrícola. As informações são da assessoria do deputado. A expectativa é de que a proposta seja votada na reunião ordinária da Comissão marcada para a próxima quarta-feira.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

29 Maio 2009 | 17h28

Ontem a presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu (DEM-TO), informou que levará à Comissão de Ética do governo federal denúncia pública contra Minc, alegando que "repudia a tentativa do ministro de desqualificar os produtores rurais". Um dia antes, durante audiência pública na qual estava sendo ouvido o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, a comissão especial da Câmara sobre a crise financeira na agricultura também tinha aprovado a convocação de Minc. "Ele (Minc) chegou a chamar os pequenos e médios produtores de vigaristas", disse o deputado federal Marcos Montes (DEM-MG).

Na nota à imprensa, o deputado se diz "indignado com as palavras ofensivas de Minc", proferidas durante manifestação de movimentos sociais do campo, em Brasília, na última quarta-feira. Na opinião de Heinze, é inadmissível que um ministro de Estado ofenda os produtores rurais brasileiros, responsáveis por produzir e exportar alimentos para todo o planeta. "Somos o primeiro e segundo maior exportador mundial de açúcar, soja, suco de laranja, café, tabaco, carne bovina e de frango, e o que uma ação desastrosa como essa pode representar lá fora?", indagou no documento.

Mais conteúdo sobre:
ambiente Câmara Carlos Minc

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.