Haddad diz que Gushiken era um exemplo de força

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, disse que o dia de hoje é de luto por conta do falecimento do ex-ministro Luiz Gushiken, mas de celebração à força do Partido dos Trabalhadores, durante discurso no Grande Encontro da Região Metropolitana 2013. "As homenagens aos que se têm um fortalecedor. Temos o desafio de apresentar um grande projeto para a metrópole e o Estado de São Paulo", afirmou ele, ao participar do evento, que acontece na quadra dos bancários, no centro da capital paulista.

ALINE BRONZATI E PEDRO VENCESLAU, Agência Estado

14 de setembro de 2013 | 12h01

O prefeito de São Paulo saudou os prefeitos da região metropolitana e lembrou que eles representam 16 milhões dos 21 milhões de moradores da região metropolitana de SP, equivalente a 80%. "Pela honra do nosso PT, nós temos de ter compromisso de fazer um grande debate sobre a região metropolitana e a reorganização das nossas cidades no ano que vem, que precisam sempre de atenção", afirmou, acrescentando que a vida tem de melhorar.

Ele citou ainda que a presidente Dilma e o ex-presidente Lula fizeram muito pela vida do trabalhador, mas que ainda é preciso fazer mais ainda pela vida do cidadão, melhorando os serviços públicos das cidades. Sobre Gushiken, Haddad disse que além de ele ser um militante "nota dez", era muito generoso e sempre tinha uma palavra de estímulo nos piores momentos. "Ele era um exemplo de força, sobretudo, nos últimos anos", ressaltou o prefeito.

O ex-ministro Gushiken morreu na noite desta sexta-feira, 13, em São Paulo, aos 63 anos, em decorrência de um câncer contra o qual lutava há 12 anos. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, na região central. O velório está sendo realizado neste sábado, desde às 7h, no Cemitério do Redentor, na avenida dr. Arnaldo, em São Paulo. O sepultamento está marcado para as 16h no mesmo local.

Mais conteúdo sobre:
Luiz GushikenmortePTHaddad

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.