Haddad diz que ficou mais tempo que Serra na prefeitura

O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, voltou hoje a provocar o pré-candidato do PSDB, José Serra, ao declarar que ficou mais tempo servindo à Prefeitura do que Serra quando prefeito da capital. Haddad chefiou o gabinete da Secretaria de Finanças e Desenvolvimento Econômico da então prefeita Marta Suplicy (2001/2004), enquanto Serra ficou apenas 15 meses à frente do executivo municipal, após vencer o pleito em 2004. "Eu fiquei mais tempo na Prefeitura do que ele", afirmou o candidato, em entrevista à Rádio Bandeirantes. Questionado se cumpriria os quatro anos de mandato, caso seja eleito em outubro deste ano, Haddad disse que "evidentemente" cumpriria a administração. "Não dá mais para brincar com São Paulo", criticou.

DAIENE CARDOSO, Agência Estado

14 de março de 2012 | 10h23

O petista disse também que o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a sua campanha se deve à visão de Lula sobre a necessidade de renovação dos quadros políticos no cenário nacional. Ao citar os governadores de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), da Bahia, Jacques Wagner (PT) e do Ceará, Cid Gomes (PSB), Haddad disse que cabe à nova geração de políticos renovar as práticas e as prefeituras. Ele incluiu neste grupo ainda a presidente Dilma Rousseff. "É dever da nova geração suar a camisa", emendou.

Tudo o que sabemos sobre:
ELEIÇÕESSPHADDADSERRA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.