Haddad critica tucano e diz honrar compromissos

O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, voltou , ontem, terça-feira, a criticar o seu possível adversário tucano nas eleições, o ex-governador José Serra. Para Haddad, Serra fez pouco caso de um compromisso que havia assumido em 2004, ao dizer, em entrevista a uma rádio, que não havia assinado um documento com valor jurídico se comprometendo com a cumprir na íntegra o mandato de prefeito caso fosse eleito.

ISADORA PERÓN, Agência Estado

21 de março de 2012 | 08h17

"Os nossos compromissos serão honrados, porque compromisso público é para ser cumprido", afirmou o petista.

Em entrevista ao Jornal da Gazeta, da TV Gazeta, conduzida pela jornalista Maria Lydia Flandoli, Haddad assumiu que ser desconhecido pelos paulistanos é uma desvantagem na corrida eleitoral. Apesar disso, ele minimizou o fato de poder contar com o horário eleitoral no rádio e na TV somente a partir de agosto, por conta de uma decisão judicial. "Nós estamos contando com a imprensa para fazer, desde já, um debate sobre a cidade", afirmou. Segundo ele, São Paulo tem mostrado um "sentimento por renovação" na maneira de fazer política. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesSPHaddad

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.