Haddad apresenta sua biografia no horário eleitoral

Em propaganda, candidato fala de experiências na vida pública e na carreira profissional

Isadora Peron, de O Estado de S. Paulo

27 de agosto de 2012 | 21h52

Estreante em eleição, Fernando Haddad (PT) esperou até o terceiro dia de programa eleitoral na TV para apresentar a sua biografia ao eleitorado paulistano. O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo foi uma escolha pessoal do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e está em terceiro lugar nas pesquisas de intenção de voto.

Haddad foi filmado em casa ao lado da mulher, Estela, e dos dois filhos. Em uma das cenas aparece tocando violão. A mãe do candidato também gravou um depoimento sobre o filho.

Além de ser lembrado pela sua passagem pelo Ministério da Educação, foi destacada a experiência que teve no comércio e da vida acadêmica. "No mesmo ano em que eu passei na faculdade, meu pai abriu a loja na (Rua) 25 de Março", disse.

O antecessor de Haddad na pasta, Tarso Genro, e o atual ministro da Educação, Aloizio Mercadante, gravaram depoimentos elogiando a capacidade de gestor público do petista. Lula também deixou o seu recado. Outro a destacar as qualidades de Haddad foi o neurocientista Miguel Nicolelis, que chegou a transferir o seu título de eleitor para São Paulo para votar no ex-ministro.

Adotando uma estratégia um pouco diferente, a campanha do candidato do PMDB, Gabriel Chalita, tem repetido no início de todos os programas na TV uma linha do tempo em que conta a trajetória de vida dele. Apesar de ter sido o segundo deputado mais votado em São Paulo nas eleições de 2010, uma das principais preocupações da equipe que coordena a campanha do peemedebista é o fato de ele ainda não ser muito conhecido pela população de São Paulo.

Até mesmo o veterano em eleições José Serra (PSDB), que desde 2002 praticamente não ficou de fora de uma corrida eleitoral, tem usado parte do seu tempo na TV para destacar aspectos da sua biografia, como a passagem pelo Ministério da Saúde entre 1998 e 2002, no governo Fernando Henrique Cardoso.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições 2012Horário Eleitoral

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.