Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Guimarães condiciona relatório da tributária à negociações

O relator da proposta de reforma tributária, deputado Virgílio Guimarães (PT-MG), afirmou que não tem prazo determinado para apresentar seu relatório à comissão especial da Câmara que examina a matéria. "A data é quando o texto estiver pronto", afirmou. "Esta é a melhor data". Ele condicionou a apresentação do seu parecer ao resultado das conversas que pretende manter com o Senado para incluir os parlamentares na negociação, além do governo federal e dos governadores dos Estados. A idéia de Virgílio, segundo ele próprio explicou, é aguardar a opinião do Senado - que representa os Estados - sobre repartição da arrecadação da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) com Estados e municípios; a criação dos fundos de compensação para exportação e para desenvolvimento regional e, também, a possibilidade de partilhar a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), que se transformaria em Contribuição sobre Movimentação Financeira (CMF).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.