Guerra diz estar surpreso com pesquisa da CNI/Ibope

O presidente nacional do PSDB e coordenador da campanha de José Serra à Presidência, senador Sérgio Guerra (PE), se disse surpreso com o resultado da pesquisa CNI/Ibope divulgada hoje. No levantamento, o tucano aparece com 35% das intenções de voto e a candidata governista, a ex-ministra Dilma Rousseff (PT), com 40%. "O resultado nos surpreende e não é consistente com outros levantamentos. Mas o fato concreto é que devemos refletir", disse. "Eu não brigo com pesquisa. As informações têm de ser avaliadas, mas não tenho dúvida nenhuma de que crescemos", acrescentou.

ANA PAULA SCINOCCA, Agência Estado

23 de junho de 2010 | 18h43

Na avaliação de Guerra, o fato de Serra ainda não ter escolhido seu candidato a vice não tem reflexo no levantamento. "Esse assunto não tem relevância na pesquisa. A escolha do vice será do Serra e, quando ele definir o nome, vai apresentá-lo", disse.

José Agripino Maia (RN), líder do DEM no Senado, disse que resultados como o da pesquisa Ibope de hoje "são desagradáveis". "A pesquisa é ruim, mas não assusta", afirmou. "A campanha de fato começa com o início do horário eleitoral no rádio e na TV", minimizou.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçãopesquisaCNIIbope

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.