Grupo queria fraudar União em R$ 754 mi

A Polícia Federal desbaratou em Porto Alegre quadrilha que pretendia lesar a União em R$ 754 milhões. A PF prendeu seis pessoas e cumpriu 12 mandados de busca e apreensão. O grupo havia conseguido retirar R$ 10,4 milhões e esperava pela liberação do resto, inclusive R$ 160 milhões de depósitos judiciais feitos pela União ao longo de um processo possivelmente fraudulento que começou em 1977. Além disso, o grupo lesou o INSS em R$ 13,3 milhões e o FGTS em R$ 15,7 milhões. A holding Fallswit é acusada de ter simulado exportações e cobrado indenização de US$ 1 milhão - que evoluiu para R$ 754 milhões - da União por produtos supostamente desaparecidos em armazéns da Infaz, incorporada pelo governo federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.