Grupo protesta contra presença de Lula em bairro nobre do Rio

Ex-presidente vai participar de ato realizado em teatro no Leblon

Roberta Pennafort, O Estado de S. Paulo

16 Janeiro 2018 | 20h15

Um grupo crítico ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) protesta, na noite desta terça-feira, 16, contra a presença do petista em um ato realizado no teatro Oi Casa Grande, no Leblon (zona sul do Rio). Lula vai falar a uma plateia de convidados do meio cultural, na noite desta terça-feira.

++ Lula diz ao Tribunal de Lava Jato que vai à Etiópia após julgamento

Para o mesmo horário, foi convocada uma concentração de grupos anti-Lula num bar do mesmo bairro. O evento foi divulgado com o nome "Lula no Leblon Não". Desde as 18h, um pequeno grupo com bandeiras do Brasil e cartazes onde se lê "Lula na cadeia" e "Intervenção militar já" chegou à Avenida Afrânio de Melo Franco, onde fica o teatro.

++ Defesa de Lula insiste que OAS é dona do triplex

O protesto ocorre na calçada em frente ao teatro, de onde, em tom provocativo, alguns manifestantes gritam frases anti-Lula em direção aos apoiadores do ex-presidente. Os realizadores do encontro orientam os simpatizantes de Lula a não responder. Lula, réu da Lava Jato, será julgado no próximo dia 24 pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no caso do triplex do Guarujá. O ex-presidente vem fazendo caravanas desde o ano passado em que defende sua candidatura à presidência da República, em outubro, e rebate as acusações da Lava Jato. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.