Grupo protesta contra política habitacional em Brasília

Um grupo de cerca de 150 pessoas fez um protesto na manhã desta quinta-feira, 21, na Praça dos Três Poderes, em Brasília, com críticas à política habitacional do governo Dilma Rousseff. A presidente participou ontem da abertura da 5ª Conferência Nacional das Cidades, quando anunciou que o Palácio do Planalto quer a continuidade do programa Minha Casa Minha Vida, "independentemente do que ocorra em 2014".

RAFAEL MORAES MOURA, Agência Estado

21 de novembro de 2013 | 13h13

Panfleto do Fórum Nacional de Reforma Urbana, divulgado durante a manifestação, acusa o governo federal de promover a construção de milhares de moradias, mas subordinar "a produção das habitações populares ao mercado imobiliário, que expulsa os pobres das periferias". "Como resultado, constroem-se moradias sem cidades", diz o texto. O documento também diz que o "governo federal tem promovido a privatização dos serviços de saneamento ambiental, subordinando esses serviços à lógica do mercado e do lucro".

Entre as reivindicações dos manifestantes estão o fim das remoções por causa da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos, a implementação de um programa de regularização fundiária das áreas de assentamentos populares e o fim das privatizações no setor de saneamento ambiental.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosBrasíliahabitação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.