Grupo de mulheres do MST invade fazenda na Bahia

Um grupo de aproximadamente 150 mulheres integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) invadiu na manhã de hoje uma fazenda da Veracel Celulose, no município de Eunápolis, no sul da Bahia. Com foices e facões, elas iniciaram a ocupação derrubando centenas de pés de eucaliptos, onde foram armadas as barracas.

ELIANA LIMA E ANDRÉ MAGNABOSCO, Agência Estado

28 Fevereiro 2011 | 16h41

Esta é a primeira vez que ocorre uma ocupação de terras comandada por mulheres do MST. Em nota, o movimento informou que as ocupantes já iniciaram o plantio de feijão e milho no terreno, substituindo a monocultura de eucalipto.

A Veracel divulgou nota onde afirma que mantém uma postura de diálogo, "renovando sua disposição em contribuir para a transformação construtiva desse impasse social adverso". No comunicado, a companhia destaca que também está buscando o que considera "seus direitos garantidos constitucionalmente".

Mais conteúdo sobre:
MSTmulheresinvasãoVeracelBahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.