Grevistas pedem prisão de secretária

O Sindicato dos Fiscais de Renda do Estado de Alagoas (Sindifisco) entrou com um mandado de segurança no Tribunal de Justiça de Alagoas pedindo a prisão da secretária estadual da Fazenda, Fernanda Vilela. A categoria - que está em greve desde 15 de junho por reajuste salarial e melhores condições de trabalho - acusa a secretária de não ter repassado as contribuições sindicais descontadas dos servidores referentes a maio. Fernanda não foi encontrada para comentar o assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.