Greve no INSS completa 15 dias

A greve dos servidores do INSS chega ao 15º dia com a paralisação de cerca de 30% das agências da Previdência em todo o País, segundo os dados oficiais. De acordo com o comando do Sindicato dos Servidores Públicos Federais da Saúde, Trabalho, Previdência e Assistência Social (Sindprev), a paralisação atinge 80% dos 36,5 mil servidores da Previdência.Hoje, os funcionários do Banco Central fizeram paralisações rápidas em várias capitais, entre elas o Distrito Federal, e retomaram o protesto contra a reforma da Previdência e por um plano de cargos e salários. A Receita Federal voltou a realizar hoje paralisações de 48 horas e 72 horas. No Rio Grande do Sul, a operação-padrão na conferência de cargas provocou uma fila de 600 caminhões na passagem da fronteira com a Argentina, em Uruguaiana.Já os servidores da Justiça Federal continuam em greve em vários Estados e planejam uma marcha a Brasília para quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.