Greve de servidores afeta 30% das agências do INSS

Balanço parcial do Ministério da Previdência e Assistência Social indica que em média 30% dasagências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) tiveram sua atividade paralisada nesta terça-feira pela greve nacional dos servidores contra a reforma previdenciária. Esse balanço foi feito em 15 Estados. No Rio de Janeiro, a paralisação chegou a 100%, segundo assessores do Ministério. Ao dar essa informação, no entanto, os assessores chamaram a atenção para o fato deque, no Estado do Rio, os servidores do INSS já estão em greve há 30 dias por outros motivos específicos da categoria.

Agencia Estado,

08 de julho de 2003 | 23h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.