Governo vai cortar gastos com diárias e passagens aéreas

Ministério do Planejamento prepara redução após anunciar corte de R$ 55 bi no Orçamento

Eduardo Cucolo, Célia Froufe e Renata Veríssimo, da Agência Estado

15 de fevereiro de 2012 | 15h00

O Ministério do Planejamento informou que prepara um decreto para reduzir em 2012 suas despesas de custeio, como diárias e passagens aéreas. O valor para 2012 não foi informado. Em 2011, o governo reduziu em R$ 1 bilhão as despesas com diárias, passagens e locomoção. Economizou ainda R$ 1,2 bilhão em contratos de locação, aquisição e reforma de imóveis e de locação e aquisição de veículos, máquinas e equipamentos.

 

Corte no Orçamento. O governo anunciou nesta quarta-feira um corte do Orçamento de 2012 de R$ 55 bilhões. Em 2011, o aperto fiscal do governo foi de R$ 50 bilhões. De acordo com o Ministério do Planejamento, a redução foi realizada levando-se em conta a manutenção integral dos recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Minha Casa, Minha Vida e Brasil sem Miséria, assim como as áreas de saúde e educação.

 

As despesas discricionárias do Poder Executivo - aquelas de que o governo pode dispor livremente - serão reduzidas em R$ 35 bilhões este ano em relação a Lei Orçamentária Anual (LOA), segundo informou o Ministério do Planejamento. De acordo com um documento divulgado nesta quarta-feira, a redução das despesas discricionárias na área de saúde será de R$ 5,473 bilhões enquanto na área de Educação, de R$ 1,938 bilhão. Nos dois casos, os valores são maiores do que o projeto da LOA.

 

Outras reduções significativas nos órgãos do governo citadas pelo Ministério são na área de Cidades (R$ 3,322 bilhões), Defesa (R$ 3,319 bilhões), Justiça (R$ 2,247 bilhões) e Integração Nacional (R$ 2,193 bilhões).

Tudo o que sabemos sobre:
planejamentoredução de despesas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.