Governo tem pouco espaço para dividir CPMF, diz Mantega

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, voltou a dizer nesta terça-feira, 6, que o governo tem pouco espaço para dividir a arrecadação de contribuições como a CPMF com os Estados. Ele chegou por volta das 9h30 na Granja do Torto, onde o presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebe os governadores."A CPMF já é transferida aos Estados através da saúde", disse Mantega, referindo-se à repartição da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), uma das principais reivindicações dos governadores.Durante o encontro desta terça-feira, Lula deve apresentar aos Estados uma proposta de reforma tributária. Porém, o governo não pretende discutir a divisão da CPMF com o Estados.Lula e os governadores devem debater também algumas das propostas que integram o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que prevê um investimento total de R$ 503,9 bilhões em infra-estrutura até 2010.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.