Governo quer negociar com sem-terra em MG

O secretário nacional de Reforma Agrária, Orlando Muniz, disse hoje que o governo está aberto para negociar as reivindicações dos sem-terra que ameaçam invadir a Fazenda Renascença em Uruama (MG), de propriedade do embaixador brasileiro na Itália, Paulo Tarso Flecha de Lima, desde que desocupem a área e voltem para seus respectivos assentamentos. Segundo ele, não existe motivo para esta manifestação neste momento, já que o governo vem negociando com os sem-terra. Muniz advertiu também que o Incra poderá suspender da reforma agrária famílias que eventualmente já estejam assentadas, mas que continuem a participar de invasões de outras terras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.