Governo não consegue votar MP que trava pauta da Câmara

O plenário da Câmara encerrou sua sessão na noite desta terça-feira, sem votar a Medida Provisória 183 que está trancando a pauta, apesar de acordo fechado durante o dia com a bancada ruralista que havia aberto a perspectiva de votação. A MP propunha, entre outros itens, o fim do crédito presumido do setor de agronegócio. O relator da matéria, deputado Mário Negromonte (PP-BA), chegou a apresentar seu parecer e o projeto de conversão da MP, já incorporando os pontos do acordo com a bancada ruralista, mas o governo não conseguiu votar a matéria. Pelo acordo, a farinha de mandioca, o arroz e o feijão terão isenção total da Cofins e do Pis-Pasep. Já as carnes e os derivados e leite ficarão com 60% de crédito presumido, enquanto os demais setores ficarão com 35%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.