Governo monta ´operação de guerra´ contra CPI

O presidente Fernando Henrique Cardoso está reunido com seus ministros no Palácio da Alvorada. O objetivo é montar uma "operação de guerra" para a retirada das assinaturas de parlamentares dos partidos aliados do relatório de instalação da CPI da Corrupção. A informação é de um dos articuladores políticos do governo. Segundo a fonte, o governo está fazendo tudo o que é possível para evitar a CPI e está conversando com cada ministro para ver no que pode ajudar para convencer os deputados. Os ministros estão com a lista dos dissidentes para definir como agir, não só no convencimento, mas também no atendimento aos pleitos, em suas respectivas áreas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.