Governo libera R$ 99,6 mi para obras da ferrovia Norte-Sul

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva liberou nesta quarta-feira, por meio da Medida Provisória 336, R$ 99,649 milhões em créditos extraordinários para as obras de construção da ferrovia Norte-Sul, no trecho entre Aguiarnópolis (divisa de Tocantins com Maranhão) até Palmas (TO). A MP, que ao todo libera R$ 385,263 milhões para os ministérios de Minas e Energia, dos Transportes, da Integração Nacional e das Cidades, destina ainda R$ 125,299 milhões ao Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) para a execução de obras na malha rodoviária federal. Desse montante, R$ 59,789 milhões serão destinados a trabalhos de manutenção das rodovias. A obra que, individualmente, receberá mais recursos, R$ 20 milhões, é a de alargamento da ponte sobre o Rio São Francisco na BR 407, em Pernambuco. A MP liberou ainda R$ 40,207 milhões para obras nos portos e para o plano de contingência da pandemia da gripe aviária. A Companhia Docas da Bahia é a que receberá o maior montante, R$ 18 milhões. O Ministério de Minas e Energia receberá R$ 10 milhões por meio da MP 336, recursos que serão aplicados na Empresa de Pesquisa Energética (EPE), órgão vinculado ao ministério que faz o planejamento do setor elétrico.

Agencia Estado,

27 Dezembro 2006 | 17h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.